Edição:  
    Tecnologia

    A luva que converte a língua de sinais em palavras, em tempo real

    Cientistas trazem uma invenção barata e flexível que pode aumentar a autonomia de deficientes auditivos.

    Bioengenheiros norte-americanos da Universidade da Califórnia em Los Angeles, a UCLA, criaram uma luva capaz de traduzir em tempo real a linguagem de sinais americana para o inglês através de um aplicativo para celulares.

     

     

     

    O sistema funciona através de um par de luvas com sensores elásticos que envolvem todos os dedos. Por meio de fios elétricos, que são embutidos nos sensores, o aparelho detecta os movimentos que representam letras, frases e números. Os gestos são transformados em sinais elétricos, que são enviados a um circuito localizado no pulso e depois transmitidos ao celular, aparelho que fica responsável por transformá-los em palavras faladas.

    Além disso, os pesquisadores responsáveis pelas luvas testaram sensores adesivos nos rostos dos participantes do teste, já que expressões faciais ajudam a compor a linguagem de sinais.

     

    O aparelho surge como uma alternativa mais leve, barata e duradoura comparadas às opções desenvolvidas até então.

     

    A criação é uma forma de dar uma certa autonomia aos usuários, já que faz com que a necessidade de um tradutor seja quase ou totalmente nula. 

     

    Confira um vídeo divulgado pela própria universidade do protótipo em funcionamento: youtu.be/h35EQWEGMLs 

     

    Fontesbit.ly/3953aM7bit.ly/393sZvT